Sou sempre inspirado pelas histórias que meus clientes e rede de parceiros me contam. Como eu faço essa ponte entre startups da América Latina e o planejamento de expansão delas para o Canadá, acabo sempre entrando em contato com essas experiências, que acho interessante compartilhar. Dessa vez, o tema é inteligência artificial (AI) no Canadá.

E por isso eu acho tão importante me conectar com outros líderes que pensam igual durante esses eventos de networking daqui. O último que fui é um dos mais inovadores da América do Norte: a Startupfest 2018, em Montreal.

É uma das maiores conferências de startups do mundo e considero um evento obrigatório para empreendedores e investidores se relacionarem com negócios únicos e oportunidades nas mais diversas indústrias: cannabis medicinal, inteligência artificial (AI) e criptomoedas, entre outras. Esse ano, eu tive o privilégio de ser escolhido como membro da equipe de voluntários da conferência, sendo um dos responsáveis por logística e comunicação. Por estar tão próximo de todo esse ecossistema, comentarei sobre tudo que aconteceu aqui em Montreal – e, principalmente, quero apontar as principais razões pelas quais Montreal e Toronto estão se tornando o principal hub de inteligência artificial no Canadá.

 

O Cenário Atual de Montreal

Para aqueles interessados na área de AI, Montreal é um lugar ótimo para se aproximar e conhecer devido ao esforço gigante – realmente, GIGANTE – em pesquisa e desenvolvimento conduzido na área pela Universidade de Montreal. O professor Yoshua Bengio é uma das mentes mais brilhantes no campo de AI hoje e é um dos responsáveis por atrair a atenção para o desenvolvimento da área no Canadá, ajudando o país a ser um espaço nacional e internacional para unir startups, empresas e investidores de AI.

Você pode ver o TEDx do Yoshua Bengio aqui:

 

Especialização e Investimentos

As duas principais instalações de pesquisas da cidade, a McGill University e a Université de Montréal, são bem preparadas para conduzir alguns dos desenvolvimentos pioneiros relacionados a AI. Juntas, elas possuem mais de 250 doutores e pesquisadores do campo – certamente uma comunidade que supera hubs importantes como o Vale do Silício. Por serem a força econômica que movimenta a indústria de AI, ambas as instituições receberam $84 e $93,5 milhões de dólares como investimento vindos do Canada First Research Excellence Fund para otimizar as descobertas e pesquisas no campo.

O nível de colaboração na comunidade de AI no Canadá não pode ser ignorado. Os canadenses têm uma reputação incontestável de serem amigáveis. Esse fator cultural é levado a outro nível nas cooperações B2B em cidades como Montreal, Toronto e Waterloo. Laura Easton, da Real Ventures, colocou no seu artigo no Medium que é um modelo de cidade completamente não predatório.

Uma ameaça em potencial ligada a esse fato é a falta de apetite por vitória dos canadenses, diferente de seus vizinhos americanos.

Eu vejo que as universidades e as empresas canadenses estão fazendo um trabalho incrível no desenvolvimento de AI e estão no caminho certo para consolidar seu espaço de liderança no campo. Porém, deve haver um esforço em ganhar uma vantagem competitiva para mostrar o trabalho que o país tem feito com excelência indubitável. Canadá tem que se tornar o primeiro lugar que vem à mente quando investidores, profissionais de TI e empreendedores pensarem em tecnologia.

 

O Cenário de Toronto

Nas palavras de Roy Pereira, CEO da Zoom.ai

“O Vale do Silício está diminuindo aos poucos. Hoje você vê lugares como Toronto crescerem mais rápido que o Vale”.

Não podemos ignorar o papel forte que Toronto tem na indústria de inteligência artificial. Por ter o inglês como língua principal, ser uma das cidades mais cosmopolitas do mundo, ter conexões fortes com os EUA e ter uma grande união de investidores, certamente Toronto tem fatores imponentes a seu favor.

Durante o Elevate Toronto 2017, um evento que mostra o crescimento da cidade em tecnologia e inovação, Raquel Urtasun, professora da University of Toronto e uma pessoa importante do campo de AI, disse que “Toronto era e está à frente de outros hubs na indústria da inteligência artificial”. Hoje, ela é a diretora do desenvolvimento de carros autônomos da Uber.

 

Especialização e Investimentos

Para preparar e manter mentes brilhantes da área, o governo de Toronto inaugurou o Vector Institute for Artificial Intelligence Research com investimento inicial de $100 milhões, localizado num dos maiores hubs de inovação do mundo – o MaRS Discovery District.

frente MaRS Discovery District
MaRS Discovery District

O objetivo do Vector Institute é atrair os melhores talentos globais focados no desenvolvimento de deep learning e machine learning (os principais focos da pesquisa em Montreal e Toronto). Você pode encontrar mais sobre as oportunidades e novidades da Vector aqui.

 

Sobre o que todos estão falando!

Junto com a Uber, a Samsung está dominando a área de AI no Canadá depois do lançamento de seu AI Global Centre, em Maio de 2018. Também localizado no MaRS Discovery District, esse laboratório é parte da iniciativa global de atrair pesquisadores e desenvolver inovações. Esse projeto irá ajudar o objetivo da Samsung de ter mais de mil pesquisadores de ponta da inteligência artificial em 2020.

samsung marca placa laboratório
Serão cinco laboratórios como esse no mundo para atrair profissionais de IA.

 

Collision Conference virá a Toronto em 2019!

Outro assunto de destaque é o anúncio da Collision Conference acontecendo em Toronto no ano que vem. A Collision é a conferência de tecnologia que cresce mais rápido na América do Norte e a decisão de mudar seu local para Toronto em 2019 é um sinal claro de que a cidade tem se consolidado como a líder global no tema para criar conexões e pesquisas.

O desafio agora é atrair startups internacionais para Canadá para que eles desenvolvam suas operações no país e continuem atraindo investimentos. Essa é uma preocupação clara do Alberta Machine Intelligence Institute (AMII) em Edmonton. “Nós passamos 15 anos preparando estudantes, mas não temos lugares para que eles possam ir no Canadá” diz Cameorn Schuler, diretor executivo do instituto.

É claro, essa é uma indústria recente, apesar da quantidade de trabalho já desenvolvido até aqui. Por isso, vejo que a indústria de TI no Canadá irá abraçar esses trabalhadores disponíveis e criar excelentes oportunidades tanto para quem está se formando agora, quanto para startups que decidirem migrar para o país. A indústria de TI no Canadá cresce por volta de 3,5% por ano, enquanto que nos EUA cresce apenas 1,5%, segundo o relatório 2017 do MarketLine.

 

Startupfest 2018

Como Montreal é um dos hubs de AI mais vibrantes do mundo, a Startupfest se tornou um lugar único para unir empreendedores similares entre si e também para realizar pitches para grupos de investidores.

A Real Ventures recentemente mostrou um organograma bem interessante sobre a indústria de AI em Montreal:

Ecossistema de inteligência artificial Montreal organograma
Ecossistema de inteligência artificial de Montreal. Fonte: Real Ventures

 

Apesar de eu ter falado algumas vezes no texto que há uma competição entre Montreal e Toronto pelo espaço em inteligência artificial, o que realmente podemos ver acima é uma colaboração saudável entre as duas cidades. O principal pensamento é “juntos, somos maiores” e isso também é um reflexo do ecossistema de empreendedores do país.

Eu estou aqui há 2 anos e não consigo expressar o quão saudável e vibrante é o desenvolvimento tecnológico no Canadá. Mais do que uma cidade versus a outra, é realmente o Canadá vs. o Mundo.

Uma das minhas missões como empreendedor é unir o Canadá e a América Latina. Em setembro deste ano, traremos 10 startups de tecnologia do Brasil para conectá-las com as melhores incubadoras, aceleradoras, investidores e hubs de inovação que temos no Canadá.

Se você está interessado em conhecer os talentos mais brilhantes da tecnologia brasileira e canadense, você irá aproveitar ao máximo se aplicando ao nosso time. O talento e a criatividade brasileira na área é uma das razões pelo qual empresas canadenses buscam brasileiros para compor seus times – e serem seus parceiros.

Se você é um empreendedor(a) e quer vir a Toronto e conhecer os top 10 players em inteligência artificial, blockchain e tecnologia, estamos com inscrições abertas para a Missão Toronto até 31 de Julho.

 

Faça sua pré-inscrição gratuita aqui!

Advogado – OAB/SP nº 373.419
CEO & Founder da Next Level Hub
Canada Country Advisor da International Accelerator

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *