O tema de hoje é algo que sempre me trouxe muita dúvida quando estava no Brasil. Como é trabalhar com canadenses? Eu ouvia muito falar do zelo à qualidade de vida, bons salários, abundância de oportunidades, mas poucos compartilhavam o dia-a-dia, os perrengues, as dificuldades, as diferenças com a cultura de trabalho brasileira.

Foto de Agosto de 2017, no MaRS Discovery District, em Downtown Toronto, 1 mês antes da primeira edição da Missão Toronto

Antes de me debruçar sobre cada um desses tópicos, alerto que o que vou relatar aqui vem da minha experiência pessoal e o que ouço de amigos próximos. Sim, talvez você trabalhe para uma empresa massa aí no Brasil ou aqui no Canadá, ou uma que deixa muito a desejar. Tentarei, dessa forma, me conectar a assuntos que, muitas vezes, são comuns a ambas as culturas.

1. Diversidade

Essa aqui merece o topo dos topos! É unanimidade e algo que posso te garantir que você irá encontrar quando começar a trabalhar para uma empresa aqui no Canadá. Uma vez ouvi de um colega que mora nos Estados Unidos como é difícil conseguir uma entrevista para aqueles que têm nome e sobrenome que soam estrangeiros.

No Canadá, por mais que o racismo e preconceito existem sim, os relatos de isso acontecer são bem menos frequentes e graves. Foi aqui onde vi na prática a beleza de se ter um time multicultural, com pessoas de diferentes países, experiências de vida, costumes e formas de se trabalhar. Há uma verdadeira valorização da diversidade!

Primeiro-Ministro canadense, Justin Trudeau, é um forte defensor da diversidade no trabalho e na política imigratória canadense.

Um estudo da Deloitte de 2014 aponta que apenas 4% das empresas canadenses são compostas majoritariamente por uma única cultura e etnia. Deste dado, você também pode concluir que seu futuro empregador com certeza esperará que você se dê bem com qualquer etnia, independentemente de gênero, religião, orientação sexual e qualquer outro fator.

2. Ética no trabalho

Devido à alta importância que empresas dão à qualidade de vida e a um ambiente de trabalho saudável, é bastante comum que temas éticos sejam levados muito a sério por empregadores canadenses. 

A tolerância é zero para temas que envolvem assédio, discriminação e ilicitudes e são, geralmente, abertamente discutidos. Já vi consequências acontecerem na prática após denúncias. Cito um exemplo: um colega me relatou que em sua empresa havia um certo empregado vindo da Romênia que um certo dia soltou “mas esses indianos fedorentos não vão estar no nosso time não, né?”. No dia seguinte, ele foi demitido por justa causa, e ele agora responde na justiça. 

8 valores essenciais que devem ser praticados no ambiente de trabalho, de acordo com a Canadian Business for Social Responsibility.

Ora, em uma nação que não tolera corrupção e atos ímprobos de seus líderes públicos, o mesmo se estende para a esfera privada. Costumo brincar com meu namorado mostrando as notícias no Brasil e no Canadá, lado ao lado, como prova de onde a “barra ética” foi imposta. No Brasil, infelizmente nos acostumamos com isso e o mesmo se reflete na cultura de trabalho que muito vivenciei aí. Ressalto que há muitas exceções.

3 Performance & Qualidade de vida

Finalmente, um dos tópicos que amo. Performance e qualidade de vida andam lado a lado. Enquanto no Brasil trabalhava longas horas para poder produzir, performar e “mostrar serviço”, desde que comecei a trabalhar full-time aqui em Toronto conto nos dedos os dias quando tive que fazer hora extra. Isso vem muito da natureza do meu trabalho, mas também vem da consciência coletiva de valorizar qualidade de vida. 

De acordo com dados da OECD, apenas 4% dos empregados no Canadá trabalham horas extras (a média da organização é de 11%).

Trinity Bellwoods Park, em Downtown Toronto, onde muitas pessoas vão depois do trabalho (em meses quentes) e finais de semana. Foto: afar.com

É senso comum aqui saber que quanto mais felizes forem os seus empregados mais eles produzirão, por mais tempo ficarão na sua empresa, melhor irão atender seus clientes, o que lhe trará retenção de contas, de talento e uma boa reputação no mercado. 

Ressalto aqui os excelentes benefícios que empregadores estendem aos seus empregados, muitos dos quais incluem serviços como massagens terapêuticas, saúde dos olhos (exames, lentes de contato, óculos), saúde bucal, saúde mental, visitas clínicas, seguro de vida, seguro saúde, academia, planos telefônicos, dias de spa, compensação monetária caso trabalhe de casa, mesada para pagar por cursos profissionalizantes, sem contar o excelente sistema público de saúde. 

Ficou interessado(a) em aplicar para vagas aqui? Estamos vivendo um período único! Várias empresas estão migrando para o trabalho remoto e estão abrindo vagas remotas agora mesmo! Nesse meu último post, eu falo sobre 4 Dicas Poderosas para o seu Planejamento Canadá, e aqui você encontrará várias vagas remotas que acabaram de abrir!

Acha que existem mais diferenças culturais entre Brasil e Canadá? Tem curiosidade sobre alguma outra? Compartilha esse artigo no seu LinkedIn ou Facebook e me marca! 

Se você aprendeu algo novo e achou o tema interessante, não esquece de deixar o like e compartilhar esse post com sua rede. Tem interesse em novos temas? Me escreve: felipe@nextlevelhub.org e conecte-se comigo no LinkedIn: Felipe Soares. Abraços!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.